Programa de Pós-Graduação em Neurologia e Neurociências Universidade de São Paulo
FacebookTwitter

Laboratórios

O nosso Programa tem a peculiaridade de congregar clínicos e cientistas básicos, de tal maneira que temos laboratórios clínicos, laboratórios experimentais e laboratórios que atuam nas duas áreas.

Esses laboratórios estão estruturados com equipamentos de tecnologia de ponta, e os serviços de diferentes setores da Neurologia dispõem de infraestrutura de alta complexida-de para o atendimento de pacientes neurológicos.

A seguir, especificações dos laboratórios e áreas disponíveis para as atividades experimentais (incluídas as de investigação científica):

 

Laboratório de Neurologia Aplicada e Experimental (LNAE):

Sob a responsabilidade dos Professores Wilson Marques Júnior, João Pereira Leite e Claudia Sobreira está instalado em área de 355m2.

Funcionalmente dividido em seções de Morfologia, Neuroimunologia e Neurogenética (sob a responsabilidade do Prof. Wilson Marques Júnior) e Epilepsia Experimental (sob a responsabilidade do Prof. João Pereira Leite). Há área específica para experimentação com animais. Dispõe de um D-Wave para o “screening” de mutações e polimorfismos, sequenciador de DNA de última geração (sediado no laboratório de Biologia Molecular).

Dispõe da seguinte infraestrutura: biotério climatizado, bancadas e capelas, rede de gazes, rede de computadores ligada à Internet e Intranet. Os principais equipamentos são os seguintes: micrótomos convencionais, micrótomo criostato, ultramicrótomo, lupas convencionais, lupas cirúrgicas, microscópios, estufas, sistema computadorizado de reconstrução e medidas de imagens microscópicas, cicladores de PCR, ciclador de PCR “in situ”, sequenciador de DNA genômico, DHPLC, peagâmetro, geladeiras convencionais, “freezers” a -20ºC, “freezers” a -70ºC, sistemas para eletroforese em gel de acrilamida, conjunto de equipamentos para amplificação de DNA, centrífuga de alta rotação, centrífuga refrigerada, microcentrífuga, tanque de nitrogênio líquido, balança eletrônica de 5 casas, banhos-Maria, eletroneuromiógrafo com capacidade para a realização de eletroneuromiografia e de potenciais evocados somatossensoriais (auditivos e visuais), câmera de vídeo digital e máquina fotográfica digital.

 

Laboratório de líquido céfalo-raquidiano (LLCR):

Sob a responsabilidade do Professor Oswaldo Massaiti Takayanagui, embora em área de cerca de 40m2, está adequadamente instalado. Dispõe dos seguintes equipamentos: microscópio, centrífugas, banho-Maria, equipamentos para eletroforese por meio de focalização isoelétrica e “freezers”. Está conectado com outros laboratórios institucionais para a realização diagnósticas, com vistas à investigação cientifica, por exemplo, para HTLVI, herpes vírus e outros em nível molecular.

 

Laboratório de investigação em epilepsia (LIE):

Sob a coordenação do Professor João Pereira Leite, em área de 35m2, realiza análises histopatológica de biópsias cirúrgicas de pacientes com epilepsia intratável e pela monitorização de drogas antiepilépticas, podendo dosar no soro de pacientes ou de animais de experimentação, as principais drogas antiepilépticas comercializadas no país.

Os principais equipamentos instalados nesse Laboratório são: microscópios ópticos, aplicativos para medidas de imagens microscópicas, micrótomo-criostato, micrótomo convencional, estufas.

 

Laboratório de Neurofisiologia (LN):

Sob a responsabilidade do Professor Norberto Garcia Cairasco, está instalado em cerca de 180 m2. Estuda modelos experimentais de epilepsia.

 

Setor de Neurofisiologia Clínica (NC):

Sob a responsabilidade dos Professores Álan Luiz Eckeli, Regina Maria França Fernandes e Wilson Marques Júnior, está instalado em área de 300m2. São realizadas as seguintes metodologias de registros de sinais biológicos: eletroencefalografia, poligrafia néo-natal, polissonografia, potenciais evocados somato-sensitivos (auditivos e visuais e motores), eletroneuromiografia, teste de sudorese. Foram adquiridos 3 novos eletromiógrafos, um sudoscan para a medida da sudorese e um QST para a realização de avaliação quantitativa da sensibilidade.

 

Centro de Cirurgia de Epilepsia (CIREP):

Sob a responsabilidade do Professor Américo Ceiki Sakamoto, permite a video-monitorização-eletrencefalográfica de pacientes epilépticos em processo de seleção para cirurgia de epilepsia. Esses registros são documentos úteis para a aplicação de conhecimentos e ao mesmo tempo de caráter científico em pesquisa sistemática. O banco de dados do Centro armazena dados de protocolos de atendimento de rotina continuamente, os quais são utilizados para a realização de pesquisas.

 

Laboratório de Neuroimagem:

Sob a responsabilidade dos Professores Antonio Carlos dos Santos e João Pereira Leite, está instalado no Centro de Ciências da Imagem e Física Medica do HCFMRP. Dispõe de estações de trabalho nas plataformas Apple, Linux e IBM-PC nas quais são realizados análises e processamento de imagens obtidas por Ressonância Nuclear Magnética. Esse laboratório dispõe de duas salas equipadas com computador, sistema de som e projetor multimídia.